Quinta-feira, 9 de Julho de 2015

A ligação do cobre à doença de Alzheimer

Sabia que vestígios de cobre podem estar ligados à doença de Alzheimer?

O cobre é um nutriente essencial necessário para o crescimento ósseo, a condução nervosa, a secreção hormonal e muito mais. No entanto, níveis excessivos de cobre podem ser extremamente tóxicos e têm sido associados à doença de Alzheimer.

Um estudo recente mostrou que mesmo ínfimas quantidades de cobre na água potável (níveis que são apenas a décima parte dos limites impostos pela Agência de Proteção Ambiental dos EUA) podem aumentar o risco de Alzheimer.

Nesse estudo, os ratos que foram expostos a pequenas quantidades de cobre na água potável acumularam o metal nos sistemas circulatório e vasos sanguíneos. Esse cobre impediu então o bom funcionamento da proteína-1 relacionada ao receptor de lipoproteína, ou LRP1, cuja função é eliminar a proteína beta-amilóide do cérebro, uma proteína tóxica ligada à doença de Alzheimer. 

O cobre também pode comprometer a barreira hematoencefálica, tornando o cérebro vulnerável a outros tipos de contaminantes. Finalmente, o cobre aumenta ainda a inflamação do tecido cerebral, o que pode levar ao enfraquecimento adicional da barreira hematoencefálica, provocando maior acumulação de toxinas relacionadas com o Alzheimer.

98% das casas construídas após 1970 têm tubos de cobre. Infelizmente, a água com pH inferior a 6,5 pode corroer o cobre, permitindo que níveis altos do metal contaminem a água potável. Além disso, pode causar furos minúsculos deixando que outros contaminantes vazem para dentro do tubo.

O pior de tudo é que o cobre na água potável é inorgânico, sendo processado pelo corpo de forma muito diferente do cobre nos alimentos, o que o torna bem mais tóxico.

Os especialistas recomendam vários passos para se proteger do excesso de cobre:

  • Filtro para a água: Instalar um sistema para filtrar a água capaz de remover metais pesados
  • Panelas: Substituir as panelas de cobre por panelas cerâmicas
  • Precaução com suplementos: Evitar suplementos nutricionais que contêm cobre. A menos que esteja sob supervisão médica, é melhor não exceder 50-100 microgramas de cobre por dia. Além disso, muitos suplementos usam cobre inorgânico semelhante ao dos tubos de cobre corroídos, ou até mesmo sulfato de cobre (vulgarmente usado como pesticida!)
  • Zinco: Considere suplementos com zinco. O zinco é um “antagonista do cobre”, portanto pode ajudar a reduzir a sua toxicidade ao remover naturalmente o excesso de cobre no corpo. Isso ajuda-o a manter um equilíbrio adequada cobre-zinco.

A deficiência de zinco é vulgar − estima-se que 45% dos adultos com mais de 60 anos têm uma ingestão de zinco menor do que a recomendada. Infelizmente, a deficiência de zinco pode piorar a toxicidade do cobre, aumentando assim o risco de doença de Alzheimer. A dose diária recomendada de zinco é cerca de 11 mg por dia para os homens e 8 mg para as mulheres. Se estiver grávida ou a amamentar, precisa de mais 3 mg.

http://undergroundhealthreporter.com/copper-linked-to-alzheimers-disease/

 

publicado por Rui Vaz às 03:59
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.temas principais

  • Anti-envelhecimento
  • Fitoterapia
  • Nutrição

  • Receitas
  • Saúde mental
  • Suplementos
  • Terapias
  • .posts recentes

    . Exercício físico

    . Cinco analgésicos perigos...

    . Exercício da serpente par...

    . Frango com vinagrete de m...

    . A manteiga faz mal à saúd...

    . O perigo das garrafas plá...

    . Alimentos que queimam gor...

    . Chá de pimenta-caiena

    . Relaxe: Controle o estres...

    . As sementes de damasco pr...

    . Cúrcuma para a depressão

    . Frango com limão

    . Sistema físico ideal de t...

    . Mantenha um diário de gra...

    . Problemas do sono

    . É seguro cozinhar com aze...

    . Schisandra: o fruto silve...

    . “Cereais” rápidos e croca...

    . Como fazer um lift facial...

    . Combata a postura sentada...

    .arquivos

    . Novembro 2015

    . Outubro 2015

    . Setembro 2015

    . Agosto 2015

    . Julho 2015

    .tags

    . anti-envelhecimento

    . anti-inflamatório

    . antibiótico natural

    . anticancerígeno

    . antioxidante

    . cancro

    . cérebro

    . colesterol

    . desintoxicação

    . doença cardíaca

    . doença de alzheimer

    . estresse

    . exercício físico

    . facto ou mito

    . fitoquímico

    . fitoterapia

    . nutrição

    . óleo essencial

    . ómega-3

    . químico tóxico

    . receita sem glúten

    . suplemento

    . terapia

    . toxina

    . vitamina

    . todas as tags

    .links

    RSS