Domingo, 26 de Julho de 2015

Será que o cancro é o resultado de comer poucos damascos?

A conexão aos damascos pode surpreendê-lo, mas alguns supostos peritos querem fazer crer que o cancro é causado por uma deficiência de laetrile (vitamina B17) e que se deve comer sementes de dasmasco para corrigir o problema. Mas, na verdade, será essa a resposta?

Esta doença tem uma reputação terrível e as pessoas receiam o cancro. Vêem as estrelas de cinema a definhar na frente dos fotógrafos e pensam: “Bem, eles têm todo o dinheiro do mundo. Podem pagar o melhor tratamento disponível e ainda assim estão a morrer.”

Ora então, como se pode prevenir o cancro?

O que há de errado com essa lógica é que as estrelas de cinema podem ter dinheiro e os médicos mais caros, mas isso não significa que consigam o melhor tratamento. Longe disso, Jackie Onassis foi literalmente morta por um tratamento experimental não comprovado do seu oncologista. 

A verdade é que os médicos não podem assumir a nossa própria saúde. Mesmo que os médicos sejam fantásticos e saibam o que estão a fazer, ainda assim seria loucura entregar-lhes o seu corpo para cuidarem de si. É a sua vida e, por isso, deve ser capitão do navio. Quando se trata de controlar o cancro, é loucura submeter-se ao tratamento convencional.

É evidente que a “indústria do cancro” não é acerca de curar ou mesmo ajudar as pessoas. É acerca dos lucros. Eles não querem curas, como se pode ver pela fúria com que atacam os médicos que promovem alternativas seguras e baratas à sua cruel “máquina da morte”.

A única maneira como irá aprender acerca de remédios alternativos seguros e eficazes para o cancro − terapias que não o levarão à falência − é estudá-los. Eu escrevi um livro inovador para o ajudar a entender mais profundamente estas questões e deveria obter hoje mesmo uma cópia pessoal de Segredos da Pesquisa do Cancro. Um dia, pode salvar-lhe a vida ou a vida de um ente querido.

Não espere até que alguém que lhe seja próximo tenha cancro. Esta é uma situação onde é necessário ser pró-activo. O cancro pode ser impedido, bem como tratado com sucesso. Só pode ficar seguro se souber aquilo que está a enfrentar. Lembre-se que o cancro é um dano auto-infligido, que surge como resultado de um estilo de vida pouco saudável.

A propósito, o cancro não é consequência de comer poucos damascos. Alguns dos supostos especialistas querem fazer crer que o cancro é causado por uma deficiência de laetrile (vitamina B17) e que se deve comer sementes de damasco para corrigir o problema. 99,9% dos povos indígenas, que estão livres do cancro, não comem sementes de damasco. O cancro não é uma deficiência de laetrile, não importa o que tenha lido acerca dessa “cura”.

Mas é, sem dúvida, uma deficiência de oxigénio, uma deficiência de antioxidantes, uma deficiência de electrões, uma deficiência de enzimas, uma deficiência de amor e uma deficiência de vitaminas C e D.

Os povos nativos não têm cancro. O explorador do Árctico, Vilhjalmur Stefansson, viveu décadas com o povo Inuit (esquimós), a comer uma dieta que os médicos ocidentais descreveriam como muitíssimo perigosa (90% de gordura, carne e peixe, e zero carboidratos). No entanto, eles nunca tiveram cancro, nem um único caso, até começarem a seguir a nossa dieta ocidental.

http://undergroundhealthreporter.com/is-cancer-a-result-of-eating-too-few-apricots/

 

publicado por Rui Vaz às 09:24
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.temas principais

  • Anti-envelhecimento
  • Fitoterapia
  • Nutrição

  • Receitas
  • Saúde mental
  • Suplementos
  • Terapias
  • .posts recentes

    . Exercício físico

    . Cinco analgésicos perigos...

    . Exercício da serpente par...

    . Frango com vinagrete de m...

    . A manteiga faz mal à saúd...

    . O perigo das garrafas plá...

    . Alimentos que queimam gor...

    . Chá de pimenta-caiena

    . Relaxe: Controle o estres...

    . As sementes de damasco pr...

    . Cúrcuma para a depressão

    . Frango com limão

    . Sistema físico ideal de t...

    . Mantenha um diário de gra...

    . Problemas do sono

    . É seguro cozinhar com aze...

    . Schisandra: o fruto silve...

    . “Cereais” rápidos e croca...

    . Como fazer um lift facial...

    . Combata a postura sentada...

    .arquivos

    . Novembro 2015

    . Outubro 2015

    . Setembro 2015

    . Agosto 2015

    . Julho 2015

    .tags

    . anti-envelhecimento

    . anti-inflamatório

    . antibiótico natural

    . anticancerígeno

    . antioxidante

    . cancro

    . cérebro

    . colesterol

    . desintoxicação

    . doença cardíaca

    . doença de alzheimer

    . estresse

    . exercício físico

    . facto ou mito

    . fitoquímico

    . fitoterapia

    . nutrição

    . óleo essencial

    . ómega-3

    . químico tóxico

    . receita sem glúten

    . suplemento

    . terapia

    . toxina

    . vitamina

    . todas as tags

    .links

    RSS