Sexta-feira, 2 de Outubro de 2015

Temperaturas mais frias no quarto podem aumentar a saúde

Sleep (02-10-15)

Sabia que as pessoas que dormem em quartos frios são mais saudáveis?

A maioria das pessoas não faz ideia que temperaturas mais frias durante o sono podem ter um impacto significativo sobre a saúde. De acordo com o dr. Chris Winter, uma temperatura entre 16 a 20 graus centígrados incentiva o sono ideal.

A pesquisa também mostra que as temperaturas mais frias, quando se está dormir, aumentam o metabolismo. Conforme o New York Times relatou recentemente, “Quartos mais frios poderiam transformar, de forma subtil, as reservas de gordura castanha − que, nos últimos tempos, tem vindo a ser considerada como “boa gordura” − e, por conseguinte, alterar o dispêndio de energia e a saúde metabólica, mesmo em pleno dia”.

Ao contrário da gordura branca, que não desejamos, a gordura castanha é metabolicamente activa. Pesquisas com ratos demonstraram que a gordura castanha remove o açúcar do sangue, contribuindo assim para queimar calorias e manter a temperatura basal. 

Um estudo, publicado na revista Diabetes, mostrou que as temperaturas mais frias durante o sono reduzem o risco de certas desordens metabólicas, incluindo a diabetes. Para o estudo, voluntários jovens saudáveis do sexo masculino dormiram em quartos climatizados, nos Institutos Nacionais de Saúde, durante quatro meses. Também lhes foram fornecidas as refeições, a fim de manter a ingestão calórica consistente.

  • No primeiro mês, os quartos foram mantidos a 24 graus (que os investigadores consideraram uma temperatura neutra)
  • No segundo mês, os quartos foram mantidos a 19 graus (uma temperatura os pesquisadores esperavam que pudesse estimular a actividade da gordura castanha)
  • No terceiro mês, os quartos foram redefinidos para 24 graus
  • No quarto mês, a temperatura foi aumentada para 27 graus

Durante toda a experiência, foram verificados os níveis sanguíneos de açúcar e insulina dos homens, rastreados os gastos calóricos, e medida a gordura castanha, no final de cada mês.

Verificou-se que dormir a 24 graus produziu vantagens significativas:

  • A “gordura castanha” dos sujeitos quase duplicou
  • Os homens queimaram mais calorias durante o dia todo
  • A sua sensibilidade à insulina melhorou

Os pesquisadores também dizem que dormir a temperaturas mais quentes do que 21 graus impede o arrefecimento natural do corpo e, portanto, impede a libertação de melatonina. A melatonina é uma hormona anti-envelhecimento de suma importância, que o corpo liberta à noite, estimulado pela escuridão total. A melatonina, por sua vez, faz com que a temperatura do corpo desça, provocando a libertação da hormona do crescimento humano, outra hormona anti-envelhecimento crítica. Ambas estas hormonas trabalham em conjunto para manter o corpo com uma aparência muito mais jovem!

Condições durante o sono que são demasiado quentes (ou excessivamente frias) dificultam a regulação do termostato interno do corpo. Como resultado, vai sentir-se mais inquieto e tem mais dificuldade em adormecer. Além disso, vai ter menos propensão a alcançar um sono profundo, que é essencial para a saúde vibrante.

Em última análise, os especialistas dizem que se pode melhorar a saúde metabólica e, portanto, a saúde global, baixando apenas em alguns graus o termostato do quarto. 

http://undergroundhealthreporter.com/cooler-sleeping-temperatures-can-boost-health/  

 

publicado por Rui Vaz às 22:11
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.temas principais

  • Anti-envelhecimento
  • Fitoterapia
  • Nutrição

  • Receitas
  • Saúde mental
  • Suplementos
  • Terapias
  • .posts recentes

    . Exercício físico

    . Cinco analgésicos perigos...

    . Exercício da serpente par...

    . Frango com vinagrete de m...

    . A manteiga faz mal à saúd...

    . O perigo das garrafas plá...

    . Alimentos que queimam gor...

    . Chá de pimenta-caiena

    . Relaxe: Controle o estres...

    . As sementes de damasco pr...

    . Cúrcuma para a depressão

    . Frango com limão

    . Sistema físico ideal de t...

    . Mantenha um diário de gra...

    . Problemas do sono

    . É seguro cozinhar com aze...

    . Schisandra: o fruto silve...

    . “Cereais” rápidos e croca...

    . Como fazer um lift facial...

    . Combata a postura sentada...

    .arquivos

    . Novembro 2015

    . Outubro 2015

    . Setembro 2015

    . Agosto 2015

    . Julho 2015

    .tags

    . anti-envelhecimento

    . anti-inflamatório

    . antibiótico natural

    . anticancerígeno

    . antioxidante

    . cancro

    . cérebro

    . colesterol

    . desintoxicação

    . doença cardíaca

    . doença de alzheimer

    . estresse

    . exercício físico

    . facto ou mito

    . fitoquímico

    . fitoterapia

    . nutrição

    . óleo essencial

    . ómega-3

    . químico tóxico

    . receita sem glúten

    . suplemento

    . terapia

    . toxina

    . vitamina

    . todas as tags

    .links

    RSS