Sábado, 3 de Outubro de 2015

Vitamina D

Vitamina D (03-10-15)

Dose diária: 400 UI (10 mcg)

Se está mal-humorado ou preocupado com o envelhecimento do cérebro, ou ambas as coisas, não se esqueça de tomar vitamina D. Pode pensar na vitamina D apenas como a vitamina que toma com o cálcio para construir ossos fortes, mas na realidade ela é um dos antioxidantes mais potentes do planeta. É um antioxidante ainda mais potente do que a vitamina E, quanto a proteger as membranas celulares do ataque dos radicais livres, que é a origem de todos os problemas de desempenho mental, desde os pequenos percalços de memória quotidianos até às formas graves de demência. A vitamina D também pode aumentar a produção de glutationa no fígado, o que irá melhorar o sistema de desintoxicação do corpo. Isso ajuda o cérebro, ao proteger os delicados neurónios das toxinas presentes nos alimentos, fármacos e meio ambiente, que promovem a produção de radicais livres e a inflamação. 

A vitamina D também é essencial para o bom humor, especialmente quando nos sentimos em baixo, durante o Outono e Inverno. Muitas pessoas sofrem de transtorno afectivo sazonal (TAS) no Outono e Inverno, quando há menos exposição à luz solar. Por quê? A luz solar desencadeia a produção de serotonina, uma substância química no cérebro que ajuda a regular o humor, entre outras coisas. Um estudo recente, duplo-cego e controlado por placebo, realizado na Austrália, descobriu que dar 400 UI ou 800 UI de vitamina D por dia, durante cinco dias no final do Inverno, a pessoas que sofrem de TAS, as fez sentir melhor. Se tiver problemas com o TAS, experimente tomar vitamina D durante algumas semanas e veja se isso funciona consigo.

Se já está a tomar um suplemento multivitamínico ou de cálcio, verifique primeiro para ver se o suplemento inclui a vitamina D. Em doses muito elevadas, pode ser tóxica, e não recomendo que exceda 400 UI por dia.

De:  “The Better Brain Book” − David Perlmutter (Riverhead Books, 2004)

  

publicado por Rui Vaz às 15:22
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.temas principais

  • Anti-envelhecimento
  • Fitoterapia
  • Nutrição

  • Receitas
  • Saúde mental
  • Suplementos
  • Terapias
  • .posts recentes

    . Exercício físico

    . Cinco analgésicos perigos...

    . Exercício da serpente par...

    . Frango com vinagrete de m...

    . A manteiga faz mal à saúd...

    . O perigo das garrafas plá...

    . Alimentos que queimam gor...

    . Chá de pimenta-caiena

    . Relaxe: Controle o estres...

    . As sementes de damasco pr...

    . Cúrcuma para a depressão

    . Frango com limão

    . Sistema físico ideal de t...

    . Mantenha um diário de gra...

    . Problemas do sono

    . É seguro cozinhar com aze...

    . Schisandra: o fruto silve...

    . “Cereais” rápidos e croca...

    . Como fazer um lift facial...

    . Combata a postura sentada...

    .arquivos

    . Novembro 2015

    . Outubro 2015

    . Setembro 2015

    . Agosto 2015

    . Julho 2015

    .tags

    . anti-envelhecimento

    . anti-inflamatório

    . antibiótico natural

    . anticancerígeno

    . antioxidante

    . cancro

    . cérebro

    . colesterol

    . desintoxicação

    . doença cardíaca

    . doença de alzheimer

    . estresse

    . exercício físico

    . facto ou mito

    . fitoquímico

    . fitoterapia

    . nutrição

    . óleo essencial

    . ómega-3

    . químico tóxico

    . receita sem glúten

    . suplemento

    . terapia

    . toxina

    . vitamina

    . todas as tags

    .links

    RSS